quinta-feira, 17 de agosto de 2017











Maternidade Ester Gomes amplia ações
 através de parceria com o Governo do Estado

A Maternidade Ester Gomes vive um novo momento em sua gestão administrativa gerando resultados altamente satisfatórios no atendimento à população carente que necessita dos serviços da unidade de saúde. Entre os destaques desta nova gestão que está sob o comando do empresário Sérgio Gomes, a ampliação de contrato com o Governo do Estado, através da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), para adesão da Maternidade Ester Gomes ao projeto Rede Cegonha.
A Rede Cegonha é uma estratégia do Ministério da Saúde, operacionalizada pelo SUS, que tem a finalidade de estruturar e organizar a atenção à saúde materno-infantil no país, visando implementar uma rede de cuidados às mulheres garantindo o direito ao planejamento reprodutivo e a atenção humanizada à gravidez, ao parto e ao puerpério, bem como assegurar às crianças o direito ao nascimento seguro e ao crescimento e desenvolvimento saudáveis. Através da Rede Cegonha a expectativa é de que sejam acrescidos 70 partos/mês à Maternidade.
Outra novidade anunciada pelo gestor Sérgio Gomes, também está sendo aguardada a oficialização do contrato com a Sesab, que habilitará a maternidade realizar 150 cirurgias eletivas por mês. “Através destas ações, inclusive com um novo contrato também com o município de Itabuna, esperamos a operação plena da maternidade que tem 55 leitos, sendo que destes, apenas 15 ocupados diariamente”, frisou.

Atendimento
A Maternidade Ester Gomes é uma referência no atendimento de gestantes carentes de Itabuna e região, com a realização mensal de cerca de 250 partos, sem o registro de casos de infecção hospitalar. Sérgio Gomes também aponta como novas conquistas de sua gestão: o retorno do serviço de busca dos pacientes em suas residências; doação de enxovais a partir de outubro; e implantação da UTI Neonatal em 2018. “A UTI Neonatal será uma grande conquista para toda região, isto porque atualmente só contamos com a UTI Neonatal do Hospital Manoel Novaes para atender uma demanda que é sempre muito crescente”.

Médica acusada de perseguir e matar irmãos em moto, vai a júri popular em 7 de novembro

A Justiça definiu nesta quarta-feira (16) que a médica Kátia Vargas, acusada de perseguir e matar os irmãos Emanuele Gomes Dias e Emanuel Gomes Dias, de 22 e 23 anos, depois de uma discussão de trânsito em Salvador, vai a júri popular no dia 7 de novembro. Kátia Vargas responde ao processo em liberdade.

O caso ocorreu em em outubro de 2013, em trecho da orla do bairro de Ondina. Testemunhas disseram que Kátia Vargas teve uma discussão de trânsito com um dos irmãos que estavam em uma moto. Em seguida, ela teria perseguido o dois e atingindo a moto com o carro que dirigia.

Um laudo pericial sobre a reconstituição do acidente indicou que a médica estava em alta velocidade e perseguiu as vítimas.

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Pipas provocam 32 interrupções de energia em Itabuna

Entre os meses de janeiro a julho de 2017, 532 desligamentos da rede elétrica provocados por pipas foram contabilizados em toda a Bahia, segundo dados divulgados nesta terça-feira (15) pela Companhia de Eletricidade do Estado (Coelba). Em todo o ano passado, foram registradas 1.204 interrupções pelo mesmo motivo. Em Salvador e região metropolitana, a empresa disse ter registrado este ano, de janeiro a julho, 121 desligamentos provocados por pipa. Os bairros de Plataforma, da Paz, Boca do Rio, Periperi, Lobato e Itapuã são os com maior índice de ocorrências desse tipo. Uma das ocorrências mais graves ocorreu em março, quando cerca de quatro mil clientes ficaram sem energia elétrica nos bairros do Caji e Itinga, em Lauro de Freitas, por cerca de uma hora, devido a um curto-circuito provocado por uma pipa que ficou enroscada em uma linha de transmissão. As cidades de Tanhaçu, no sudoeste baiano, e Ilhéus e Itabuna, na região sul, aparecem no topo da lista com o maior número de casos no interior. De janeiro a julho de 2017, Tanhaçu registrou 42 casos, Ilhéus 36 e Itabuna 32. O bairro de Malhado, em Ilhéus, registrou sozinho 47 ocorrências no ano de 2016. Em Itabuna já foram registradas 39 ocorrências de interrupção de energia por causa de pipa na rede elétrica, nos meses de janeiro a julho de 2017. O maior número de casos foi no Centro, com 7 registros e mais de 35 mil consumidores afetados.

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

A promessa de dinheiro fácil na D9 fez novas vítimas. Dois aplicativos que ofereciam lucros de até 30% ao mês com apostas em campeonatos esportivos estão sob investigação em Itabuna.
Para a polícia, o esquema não passa de uma pirâmide financeira. Veja a reportagem no vídeo acima.
 
 


Forças Armadas sofrem corte de 44% dos recursos

Em meio à discussão da mudança da meta fiscal e de corte de gastos, as Forças Armadas pressionam pela recomposição no Orçamento, que nos últimos cinco anos sofreu redução de 44,5%. De 2012 para cá, os chamados recursos “discricionários” caíram de R$ 17,5 bilhões para R$ 9,7 bilhões. Os valores não incluem gastos obrigatórios com alimentação, salários e saúde dos militares.Segundo o comando das Forças, neste ano, houve um contingenciamento de 40%, e o recurso só é suficiente para cobrir os gastos até setembro. Se não houver liberação de mais verba, o plano é reduzir expediente e antecipar a baixa dos recrutas. Atualmente, já há substituição do quadro de efetivos por temporários para reduzir o custo previdenciário. Integrantes do Alto Comando do Exército, Marinha e Aeronáutica avaliam que há um risco de “colapso”.A Diretoria de Fiscalização de Produtos Controlados (DFPC) do Exército, responsável por monitorar o uso de explosivos, está sendo atingida.
 

Para cumprir meta fiscal de 2018, governo quer levantar R$ 20 bi em leilão de aeroportos

Mesmo alterando a meta fiscal de 2018 para prever um rombo maior, o governo ampliou o pacote de concessões para conseguir fechar as contas do ano que vem. Passou a contabilizar R$ 20 bilhões decorrentes da privatização de aeroportos e da venda da fatia da Infraero em terminais já concedidos. O valor foi incorporado ao Orçamento e inclui a concessão de, no mínimo, 18 terminais. Isso envolve Congonhas (SP), segundo mais movimentado aeroporto do país — atrás apenas de Guarulhos (SP) —, além da licitação de três blocos de aeroportos encabeçados por Santos Dumont, Cuiabá e Recife. Inclui ainda a relicitação de Viracopos (Campinas). Cálculos de técnicos da área econômica apontam que considerando os setores de transportes, petróleo e gás e energia será possível arrecadar quase R$ 61,6 bilhões no ano que vem.A venda da fatia da Infraero (de 49%) nos cinco aeroportos concedidos deve render à União R$ 10 bilhões — o Tesouro já investiu cerca de R$ 3,3 bilhões nesses terminais. Com a concessão de Congonhas (SP), estima levantar R$ 4 bilhões. 

segunda-feira, 10 de julho de 2017

Jóias apreendidas pela PRF/PE seriam vendidas em Camacan

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Salgueiro, no Sertão de Pernambuco, apreendeu neste final de semana duas cargas de joias avaliadas em mais de R$ 1,3 milhão. O material seria vendido em Juazeiro do Norte, no Ceará; e Camacan, na Bahia. A primeira apreensão ocorreu nesse sábado (8), no quilômetro 23 da BR-116; quando policiais, em abordagem de rotina, encontraram as joias no banco traseiro de um veículo com placas do Ceará. A mercadoria, avaliada em R$ 934.563,00, havia saído de Recife e seria revendida em Juazeiro do Norte. De acordo com o sargento da PRF Gustavo Nascimento, que participou da ação, além das joias sem nota, foram encontrados R$ 8.400,00 em espécie com o motorista. O homem informou às autoridades que as joias eram de um cunhado. Segundo o sargento Nascimento, o suspeito foi encaminhado à delegacia de Polícia Civil de Salgueiro para apuração criminal, e em seguida à Secretaria da Fazenda Estadual. Ele deve responder por crime contra a ordem tributária. Já neste domingo (9), em nova abordagem na BR-116, a polícia encontrou outra carga de joias, desta vez avaliada em R$ 389.250,00. Segundo as autoridades, a mercadoria também não possuía nota fiscal e era transportada em um carro com placas do Ceará, ocupado por quatro homens. Durante a abordagem, agentes do Grupo de Patrulhamento Tático da PRF realizaram uma vistoria no automóvel e encontraram a carga em três bolsas no porta-malas do veículo. Os produtos estavam divididos em 250 kits no valor de R$ 1.557,00 cada. De acordo com as informações colhidas no local, a mercadoria havia saído de Juazeiro do Norte, no Ceará, e seria entregue em Camacan, na Bahia. O grupo foi conduzido à delegacia de Polícia Civil de Salgueiro e a mercadoria à Secretaria da Fazenda Estadual. Eles deverão responder por crime contra a ordem tributária. (DN)

quarta-feira, 28 de junho de 2017

Detentos de cidades da região são transferidos para Itabuna

Neste final de semana de São João, sete presos foram transferidos de Buerarema, Camacan e Coaraci, para a correcional de Itabuna e depois serão levados para o Presídio. São eles: Emison da Silva- Maylon Barbosa dos Santos e Orlean Ferreira L. de Oliveira, todos de Buerarema, suspeitos de porte ilegal de arma e envolvimento com drogas; Fábio Silva dos Santos, suspeito de tráfico de drogas em Itapitanga; Reginaldo de Jesus Dias, detido em Coaraci, com Raimundo Bispo dos Santos. 

quarta-feira, 14 de junho de 2017

Empresário de Camacan é levado a júri pela morte da esposa


O empresário Edvan Ribeiro será julgado no próximo dia 6 de julho, no Fórum de Camacan, no sul da Bahia, pela morte da esposa e empresária Kátia Cristina Lima. O júri popular está marcado para começar às 8h30min. Kátia Cristina foi assassinada em 27 de dezembro de 2010, quando saía de uma igreja com os filhos e a mãe, Arlete Almeida. De acordo com as investigações, Edvan teria mandado matar a esposa, porque ela descobriu suposta traição. O casamento durou 15 anos. À época do crime, os filhos tinham cinco, dez e 13 anos. O empresário ordenou o crime para não dividir patrimônio, segundo a investigação. Ainda de acordo com as investigações, o pistoleiro Ovídio Santos Sampaio contratou o também pistoleiro Reginaldo Amaral, o Regi, para que ele executasse o crime. A vítima sofreu três tiros. O assassinato foi cometido na presença das crianças e da mãe de Kátia. Ovídio foi julgado e condenado há 30 anos de prisão em julho de 2014. No mesmo júri, “Regi” pegou 28 anos de cadeia em regime fechado. À época, a defesa entrou com pedido de julgamento de Edvan fora de Camacan. Ele será levado a júri como autor intelectual do crime.

domingo, 21 de maio de 2017

QUADRILHA DO TRAFICO PRESA EM CAMAMU

Traficantes presos em Camamu

A operação conjunta batizada como “Mutirão”, deflagrada pela Delegacia Territorial do município de Camamu, no sul da Bahia, na manhã desta sexta-feira (19), prendeu cinco pessoas envolvidas com tráfico de drogas e homicídios na cidade. Segundo a polícia, o objetivo era cumprir cinco mandados de prisão preventiva e seis de busca e apreensão. Adriele dos Santos, Laique Cardoso de Jesus, o Abelha, Anelito Santos de Jesus, Gilvan da Silva do Amor Divino, o Van, e Andreildo Amaral Conceição, o Del, este último apontado como líder do tráfico de drogas no bairro Mutirão, foram conduzidos à DT/Camamu. A quadrilha é suspeita de participação nos homicídios de Alexandre Conceição Souza e Renato dos Santos Arouca, ocorridos em fevereiro desse ano. Com eles, os policiais apreenderam munições e armas, como uma pistola 765, que estava com Anelito, 300 gramas de drogas, balanças de precisão e a quantia de R$ 2,5 mil, que estava na residência de Andreildo. Neste local, foram apreendidos ainda uma motocicleta Pop 100 e o HD utilizado para gravar imagens de vídeo monitoramento. A casa possui 5 câmeras. De acordo com o delegado Gilmar de Meireles Prates, titular da DT/Camamu, a operação foi resultado de várias horas de investigação, para a qual contou com o apoio da 5ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), com sede em Valença, cujo coordenador, delegado José Raimundo Neri Pinto, e equipe de investigadores (SI) participaram da Operação. A 33ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), de Valença, também participou.

Desaparecida

Evelyn Gomes dos Santos, residente do bairro Santa Clara, em Itabuna, não aparece em casa há dois dias. O último contato foi hoje 20/05 às 10h57 pelo aplicativo de mensagens WhatsApp não informando se está bem ou não. Depois disso sumiu de todas as redes sociais.

quarta-feira, 5 de abril de 2017

PMBA irá representar comandantes gerais do Nordeste

A escolha do comandante geral da Bahia ocorreu em encontro da cúpula da segurança brasileira no Rio de Janeiro
O comandante geral da Polícia Militar da Bahia, coronel Anselmo Brandão, foi eleito na noite de ontem (4) como representante dos comandantes gerais da região Nordeste em eleição realizada no encontro do Conselho Nacional de Comandantes Gerais de Polícias Militares e Corpos de Bombeiros Militares, que acontece até a próxima sexta-feira (7), no Rio de Janeiro (RJ).  No mesmo encontro, o comandante geral do Corpo de Bombeiros Militar, coronel Francisco Telles, foi eleito vice-presidente da entidade.
O Conselho tem como missão fortalecer e articular os Sistemas de Segurança Pública, Defesa Social e Defesa Civil, atuando em rede de cooperação com as Instituições Militares Estaduais do Brasil, consolidando a eficiência dos serviços e a promoção da cidadania.
“Irei me empenhar ao máximo para defender os interesses da nossa classe e, com essa escolha de representação, a Bahia ganha relevância nas tratativas sobre as questões da Segurança Pública”, destaca o coronel Anselmo Brandão.