Além do acidente que matou o adolecente, vigson Carvalho dos santos, de 9 anos, na BR 415 proximo a entrada do Bairro Nova ferradas ás 11:40 da manhã desta terça feira, mais duas outras pessoas morreram nas últimas 24 horas nas rodovias sul-baianas. O estudante de engenharia civil da FTC/Itabuna e funcionário da Vectra Engenharia, Luiz Henrique Palmeira Durr, 25, morreu numa colisão frontal com um ônibus da Viação Itapemirim que fazia a linha Fortaleza-Rio de Janeiro, no quilômetro 376 da BR-101, trecho Gandu-Itamarati.

Luiz Henrique dirigia um Volkswagem Gol, placas MSY 3115, licença de São Mateus-ES. O carona saiu ileso do acidente, conforme a Polícia Rodoviária Federal. A colisão ocorreu no momento de uma ultrapassagem mal-sucedida. O motorista do ônibus, Deusimar Mendes, nada sofreu.

Ontem, no trecho Floresta Azul-Firmino Alves da BA-263, o Fiat Uno, placas JRW 0314, dirigido por Erick Vinícius Ramos dos Santos, bateu numa mureta de proteção de uma ponte e provocou a morte de um bebê de três meses que viajava com os pais.

No momento da colisão, o bebê e a mãe, Paula Suelly Silva, foram arremessados para fora do Fiat Uno. O estado de Paula é estavel, o bebê morreu a caminho de uma unidade de saúde de Floresta Azul. O delegado francesco Denis, da cidade de Itajú do Colônia que atendeu a ocorrência, encaminhou o corpo do bebê, Gustavo Caldas, para o DPT de Itabuna,Paula ficou internada no Hospital de Base de Itabuna.